quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Clemência


Na sequência de termos sido, no ano transacto, assaltadas na escola, várias vezes, e depois de os larápios terem sido apanhados, recebi este ano, em Setembro, uma notificação para ir testemunhar em Tribunal no dia 19 de Novembro. Claro está que andei sempre em cima do acontecimento, e adepta da tecnologia marquei a data no meu maravilhoso e topo de gama telemóvel.
De nada me serviu, porque o dito cujo não me avisou e eu, estando ao serviço da escola andei a fazer visitas de estudo ao Teatro Rivoli.
Pois é, faltei ao Julgamento.
Só me lembrei quando ontem , a minha filha me ligou dizendo que tinha a GNR em casa à minha procura!
Pois agora tenho uma multa de 204€ para pagar e não bufar!
Eu, a pessoa honesta e trabalhadora, que nunca estive a contas com a justiça, que trabalho para manter com os meus impostos os gatunos deste país, que para além do prejuízo, trabalho e canseira que já nos deram ainda me vão obrigar a desembolsar mais esta maravilhosa quantia!
Já pedi clemência ao juiz, já pedi ajuda aos santos, mas quase de certeza que não vou comprar prendas de Natal!
“It is an injustice, it is!”?

4 comentários:

Anabela Magalhães disse...

Xiiii... que cena, Tiza!
Mas tudo te acontece, mulher!
Arre!
Para fim da historinha também não ficava mal os meliantes serem perdoados...

Anónimo disse...

Pois é, tornaste-te uma incumpridora. Estás com sorte se isso não ficar averbado no Registo Criminal. Eventualmente "o tipinho" que assaltou não vai pagar tanto, quiçá ouve uma reprimenda ... e vai em liberdade. Vê se não insultas o Juiz. Corres o risco de ficar presa :-)))

Lili disse...

Bea:
Essa é boa! Ultimamente tudo te acontece, mulher!!
O ladrão nem metade deve ter pago!Enfim...
Este país faz-me rir...

Saltapocinhas disse...

IN-CRÍ-VEL!
e vergonhoso!